Cursos de Maio 2018

Cursos de maio – 2018

Formação e atualização de professores

Informações e inscrições: enny.parejo@gmail.com

Ou com Danielle Bambace (11)99896 4468

Local dos encontros

ATELIER MUSICAL ENNY PAREJO

Praça Rodrigo Chassim, 42 – Jd. São Paulo – Metrô Jardim São Paulo – São Paulo

___________________________________________________________________________________

Musicalização para Bebês

com Enny Parejo

A música permite ao bebê comunicar-se

com as pessoas e com o mundo…

O bebê estará totalmente entregue

às maravilhosas interações

que teremos com ele

em sua tenra infância.

A música e as brincadeiras criarão

uma cumplicidade afetiva…

O bebê desenvolverá autoestima,

autoconfiança e conquistará

facilmente seu lugar na vida social.

Este curso tem por objetivos discutir conteúdos e procedimentos didáticos utilizáveis na sensibilização e

estimulação musical de bebês; fundamentar a atividade de musicalização nessa faixa etária; preparar o

professor para atuar expressivamente e “improvisar” nas situações inusitadas que se apresentam nas

aulas com os pequenos; apresentar e discutir repertórios de canções, parlendas e ritmos interessantes

para promover a imersão sensorial do bebê no mundo da música, e, sobretudo, abrir espaço para

frutíferas trocas de experiências entre os participantes.

Dirigido a: professores e estudantes de música; professores de educação infantil e creches; profissionais

de berçário, pais carinhosos e demais interessados em música e desenvolvimento humano.

Datas e horários: 19/05, sábado das 9h às 13h e das 14h às 17h; 20/05, domingo, das 9h às 13h e das

14h às 16h.

Carga horária total: 13 horas

Conteúdos:

? O bebê e a música: aspectos neurológicos e psicológicos do desenvolvimento infantil – literatura

especializada;

? A atitude do professor: observação, interação e comunicação;

? A estimulação multissensorial do bebê: auditiva, visual, tátil e motora;

? Discussão curricular: momentos da aula, blocos de conteúdos, aulas e e projetos temáticos para

a sensibilização e estimulação musical dos pequenos.

Investimento: $ 440,00

Formas de pagamento:

? À vista no ato da inscrição (por depósito bancário): R$ 440,00 ou

? Com cartão de crédito pelo Pagseguro (juros de 2,99% a.m):

2x de 229,93 – Total: R$459,86

3x de R$155,53 – Total: R$466,59

4x de 118,35 – Total: R$473,40

5x de 96,06 – Total: R$480,30

6x de R$81,20 – Total:R$487,20

7x de R$70,60 – Total: R$494,20

8x de 62,66 – Total: R$501,28

9x de 56,49 – Total: R$508,41

10x de 51,56 – Total: R$515,60

? Com cheques pré-datados ( primeira no ato da inscrição, por depósito bancário, demais para

30 dias com cheque pré-datado, a ser entregue no 1º dia do curso):

1x de R$440,00

2x de $ 226,00

3x de R$149,60

4x de R$122,20

Incluído no valor do curso: 1 Apostila, 1 CD, envio por email de textos e apresentações do PowerPoint

de fundamentação da proposta.

Professora: Enny Parejo

Enny Parejo - Doutora em Educação-Currículo pela PUC de São Paulo. Bacharel em Piano pela Faculdade

Paulista de Arte (1984). Especialista em Pedagogia Musical pela pesquisa autodidata e pela participação

em diversos cursos (Brasil, França, Espanha e Áustria). Autora das obras “Musicalizar – uma proposta

para vivência dos elementos musicais” (São Paulo, 1987), “Estorinhas para Ouvir – aprendendo a escutar

música” (São Paulo, 2007) e de diversos artigos sobre educação musical em obras coletivas. Professora

da Pós Graduação em Educação Musical e da Licenciatura em música da FIC – FACULDADE INTEGRAL

CANTAREIRA. Coordenou o Departamento Infanto-juvenil da Universidade Livre de Música Tom Jobim

do Estado de São Paulo, de 1994 a 1998. Elabora cursos para formação e atualização de professores de

música e ensino fundamental que vêm sendo ministrados em diversos espaços da capital, do interior

paulista e de outros estados. Dirige o ATELIER MUSICAL ENNY PAREJO.

Práticas criativas com a flauta doce:

da sala de aula às apresentações

com Claudia Freixedas

Jogos musicais, de escuta e de improvisação com a flauta doce

Prática de repertório variado, com várias flautas, uso da voz, do corpo e outros instrumentos

Exploração e novas sonoridades e prática de técnicas estendidas na flauta doce

Como preparar uma apresentação?

Cuidados na escolha do repertório e dos arranjos, o uso do espaço, entre outros.

Esta oficina pretende vivenciar um conjunto de práticas pedagógicas que podem ser usadas tanto com

alunos iniciantes, quanto com alunos mais avançados, através de canções e repertório tradicional

brasileiro e de outros países, de diversas épocas, brincadeiras cantadas, jogos de exploração sonora,

sonorização de histórias, pequenas improvisações, danças, cantos, entre outras. Através de experiências

significativas e momentos de reflexão, pretende-se demonstrar um caminho didático que desenvolva

tanto a técnica tradicional quanto a contemporânea, desde o início do aprendizado, incentivando novas

formas de fazer e escutar música através das possibilidades expressivas da flauta doce, aliadas a um

fazer musical abrangente utilizando o canto e o corpo em suas práticas. E ainda abordaremos como

organizar uma apresentação, levando em conta todo este conjunto de atividades e processo realizados

em sala de aula, o cuidado na escolha do repertório, dos arranjos, o uso do espaço, entre outras

questões.

Obs.: Cada participante deverá levar uma flauta doce soprano – de preferência barroca. Quem tiver

outras flautas, como contralto, tenor, baixo ou sopranino, pode levar também!

Conteúdos: Jogos de exploração sonora, sonorização de histórias, jogos de escuta sonora e pequenas

improvisações; Introdução ao uso de partituras gráficas, novas sonoridades da flauta doce e suas grafias.

Introdução da leitura tradicional e caminhos criativos no ensino das primeiras notas da flauta doce, com

canções do repertório tradicional brasileiro e de outros países, o uso da voz, do corpo, da percussão

corporal e de brincadeiras rítmicas e cantadas e improvisações. Prática de repertório variado, de

diferentes países, gêneros e épocas, abordando questões técnicas, musicais e interpretativas,

elaborando arranjos utilizando-se das várias flautas, além de outros instrumentos disponíveis, de acordo

com o nível dos participantes.

Material: uma apostila incluindo partituras utilizadas no curso.

Dirigido a: estudantes de música, educadores musicais e demais interessados na prática e na didática da

flauta doce.

Data e Horário: 6 de maio, das 9h às 13h

Carga horária total: 4 horas

Investimento: R $ 100,00

Formas de pagamento:

? À vista no ato da inscrição (por depósito bancário): R$ 100,00 ou

? Com Cartão de crédito pelo Pagseguro (juros de 2,99% a.m):

2x de R$52,56 – Total: R$104,52

3x de R$35,35 – Total: R$106,05

4x de R$26,90 – Total: R$107,60

5x de R$21,83 – Total: R$109,15

6x de R$18,46 – Total: R$110,76

7x de R$16,05 – Total: R$112,35

8x de R$14,24 – Total: R$115,56

9x de R$12,84 – Total: R$117,20

? Com cheques pré-datados( primeira no ato da inscrição, por depósito bancário, demais para

30 dias com cheque pré-datado, a ser entregue no 1º dia do curso):

1x de R$100,00

2x de R$51,00

3x de R$34,00

4x de R$25,50

Incluído no valor do curso : apostila com partituras utilizadas no curso

Professora: Claudia Freixedas

Claudia Freixedas – Educadora musical e flautista doce. Mestre em música pela ECA-USP, pós graduada

pela Anhembi-Morumbi, com especialização em Música Barroca pelo Conservatório Real de Haia.

Diretora Educacional da Associação Amigos do Projeto Guri e professora na Faculdade Integral

Cantareira-SP. Ministrou diversas oficinas sobre a didática da flauta doce: IA-UNESP; ABRORFF, FACFITO;

FLADEM (México e Montevidéu), ISME (Chile). Foi professora nos festivais de música de Londrina,

Curitiba e Juiz de Fora. Lecionou na Escola Municipal de Iniciação Artística (EMIA-SP) e na Faculdade

Alcântara Machado – FAAM-SP. Como concertista, atua em vários grupos como: Quarteto Fontegara,

Trio Sospirare, Doce Fole e Doces Diálogos que se apresentam em diversas salas de concerto executando

repertório de Música Antiga, Popular Brasileira e Contemporânea.

Comments are closed.