Atelier Musical Enny Parejo

Enny Parejo Enny Parejo – Doutora em Educação-currículo pela PUC – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo,sob a orientação de Maria Cândida Moraes (2008). Mestre em Educação-currículo pela mesma instituição (2001), sob a orientação de Marcos Masetto. Bacharel em música (especialidade em Piano) pela Faculdade Paulista de Arte (1984). Professora titular da Licenciatura em Educação Musical da  FITO – Fundação Instituto Tecnológico de Osasco e da FACCAMP – Faculdade de Campo Limpo Paulista. Professora convidada dos cursos de Pós-Graduaçao em Educação Musical da FIC - Faculdades Integradas Cantareira (São Paulo) e da FINOM – Faculdade do Noroeste de Minas. Dirige o Enny Parejo Atelier Musical, um espaço que promove cursos de formação em pedagogia musical para professores de música, Educação Infantil e Ensino Fundamental, atelier de musicalização infantil, formação musical para o público em geral, consultoria em educação musical e elaboração de material didático.

E membro do grupo de pesquisa ECOTRANSD – Ecologia dos Saberes e Transdisciplinaridade. Exerce intensa atividade como palestrante e formadora em diversas instituições do estado de São Paulo e de outros estados. Sua linha de pesquisa tem como pano de fundo filosófico a Teoria da Complexidade, a Transdisciplinaridade e o interesse na compreensão profunda dos fenômenos complexos envolvidos no processo educacional, de uma forma geral, e em especial, no processo de educação musical. Tem prestado assessoria a diversas escolas de educação infantil e colégios. Atuou de 2009 a 2010 como Consultora Musical da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, no Projeto Fábricas de Cultura.

Coordenou o Departamento Infanto-juvenil da Universidade Livre de Música Tom Jobim do Estado de São Paulo, de 1994 a 1998, com uma equipe de 12 professores e 800 alunos de 5 a 16 anos. Dentre suas realizações na ULM destaca-se: unificação do sistema de ensino e currículo escolar, direção da equipe que elaborou o material didático  da escola (apostilas, material auditivo, testes de ingresso e provas).

De 1990 a 1992, residiu na França onde estudou História da Música e Análise Musical no Conservatoire National de Région de Musique (Lyon) e lecionou Piano e Iniciação Musical para adultos e crianças em diversas instituições. Realizou intensa pesquisa bibliográfica e discográfica objetivando à elaboração de cursos adaptáveis à realidade brasileira. Atuou como Capacitadora de professores de música e ensino fundamental pela Consejeria de Educación y Ciencia de la Junta de Andalucia (Espanha) durante a fase que precedeu a entrada desse país para a CEE (1987 a 1992). O trabalho consistia em atualizar, formar e informar professores da rede oficial de ensino. As conclusões sobre esse período estão reunidas em um escrito intitulado “Iniciación y Sensibilización Musical en la Escuela General Básica”.

Aprimorou seus estudos musicais sob a orientação de seu mestre e amigo H.J.Koellreutter, no período de 1984 a 1998.

Comments are closed.